PINAPARIS

Miriam Mirna Korolkovas
Miriam Mirna Korolkovas, depois de voltar de uma longa viagem entre as reservas indígenas em Tocantins e da reserva extrativista Cazumbá no Acre, volta a cidade de São Paulo coletando madeiras raras em caçambas de lixo urbanas para produzir suas jóias.

Miriam Mirna Korolkovas
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar."" target="_blank">Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
www.mmkorolkovas.com.br

Formação Académica:
2009 – Pós-Doutorado em Arte e Design / A&D UMICH - EUA
2002 – Doutorado em Arquitetura e Urbanismo pela FAUUSP, SP/SP - BR
1986 – Mestrado em Belas Artes pelo Pratt Institute, NY- EUA
1977 – Bacharel em Arquitetura e Urbanismo pela FAUUSP, SP/SP - BR

Premiações:
2009 – Premiada com bolsa de professor pesquisador visitante pela
Fulbright Comission / CAPES -University of Michigan - A&D UMICH - EUA
2008 – Prêmio Ouro IDEA/BR
2000 – Premiada com bolsa CAPES, SP - BR
1991 – Menção honrosa em design no MCB , SP - BR
1986 – Premiada com bolsa CNPq , SP- BR
1984 – Premiada com bolsa Fulbright - EUA
1977 – Menção honrosa no Prêmio Henrique Mindlin, SP - BR
1977 – Prêmio Governador do Estado em Artes Visuais, SP - BR

CV completo aqui.

 Tr237;ptico / 3 Broches / madeira peroba, ouro 750 e folha de ouro / 1a. d233;cada s233;c XXI
Tríptico / 3 Broches / madeira peroba, ouro 750 e folha de ouro / 1a. década séc XXI

O tríptico SÉRIE IDENTIDADE: ACRE BRASIL  é um broche em peroba trabalhado com goivas em alusão à extração da borracha no Estado do Acre e folha de ouro. Esta peça foi exposta na Bienal Brasileira de Design 2010 , Curitiba, Paraná.

Cocar / Colar Materias / Ni243;bio e tit226;nio anodizados electro quimicamenteData / 1a. d233;cada s233;c XXI / Fotografia: Andre Yung
Cocar / Colar Materias / Nióbio e titânio anodizados electro quimicamenteData / 1a. década séc XXI / Fotografia: Andre Yung

Colecção do Geological Institute of America.

Pena / Broche / Tit226;nio e Ni243;bio* anodizados electro quimicamente / 1a. d233;cada s233;c XXI / Fotografia : Thomas Kolish
Pena / Broche / Titânio e Nióbio* anodizados electro quimicamente / 1a. década séc XXI / Fotografia : Thomas Kolish

Esta peça foi exposta na Bienal Brasileira de Design no Museu Nacional, Brasilia DF
*O Brasil é responsável por 75 % da produção mundial do nióbio, um metal refractário, leve, elástico e de alto ponto de fusão.


Bandoleira* / Tit226;nio e Ni243;bio anodizados electro quimicamente, Prata 925, Ametista, Quartz Rosa e Cristal / 1a. d233;cada s233;c XXI / Fotografia: Camila Nicoletti
Bandoleira* / Titânio e Nióbio anodizados electro quimicamente, Prata 925, Ametista, Quartz Rosa e Cristal / 1a. década séc XXI / Fotografia: Camila Nicoletti

Esta peça ganhou o Prêmio na Categoria Ouro no IDEABRASIL 2008.
*Remete à ornamentação indigena brasileira.

 

1

TPL_BEEZ5_ADDITIONAL_INFORMATION

1

Found Lost Found

23. JOALHARIA CONTEMPORÂNEA NA IBERO-AMÉRICA